Noite Sinistra Pular para o conteúdo principal

Postagens

Postagem em destaque

O vestido de noiva assombrado da Baker Mansion

Postagens recentes

O paraíso do LSD

Em 1997, um químico orgânico chamado Leonard Pickard, junto a Gordon Todd Skinner, construíram o maior laboratório de LSD do mundo. No local, um antigo silo nuclear, eram realizadas várias festas e orgias regadas a drogas.
Segundo fontes, tal laboratório era tão grande que chegou a produzir cerca de 90% do LSD disponível no mundo, isso sem falar nas grandes quantidades desconhecidas de MDMA, ALD-52, extrato de ergot e possivelmente LSZ.

8 locais que viraram pontos turísticos depois do assassinato de celebridades

Pode parecer mórbido, mas conhecer os locais onde pessoas famosas foram assassinadas é uma popular atividade turística ao redor do mundo. Na verdade a idolatria a certas pessoas acabou criando todo um ramo de atividades turísticas relacionadas elas, e de uma forma um tanto estranha isso se estende até situações relacionadas com as mortes dessas celebridades.

O relato de Maria Alves, a brasileira que foi escrava sexual na Suíça

Maria passou dois anos trancada em um minúsculo apartamento, quando morava na Suíça nos anos 90. Recentemente ela  e revelou em uma entrevista publicada por Talyta Vespa no site Universa que: "Tinha que transar com 15 pessoas por dia quando era escrava sexual."
A fala pausada não conseguiu fazer a segurança Maria Alves, de 47 anos, conter as lágrimas durante a conversa. Quando questionada se desejava interromper a entrevista Maria completa: "Eu me emociono, mas quero falar sobre isso".

Garota de 13 anos desaparecida é encontrada dois meses depois do assassinato de seus pais

A americana Jayme Closs, de 13 anos, desapareceu em outubro, no mesmo dia em que seus pais foram assassinados na casa da família no Estado americano de Wisconsin.
Seu paradeiro permaneceu um mistério pelos últimos dois meses, e muita gente acreditava que a garota estaria morta.
Mas a história teve uma reviravolta na última quinta-feira (10-01-19): o Departamento do Xerife do Condado de Barron informou que a adolescente havia sido encontrada viva.

Convido os amigos e amigas a conhecer um pouco mais nesse assunto que nos foi enviado pelo amigo Chico Izidro.

Aghoris, os canibais sagrados do hinduísmo

Os Aghoris meditam, comem, dormem e se entregam ao sexo em meio a cadáveres em chamas em crematórios a céu aberto. Eles andam nus, comem carne humana, usam crânios humanos como tigelas e fumam maconha. Eles emergem de sua existência isolada somente durante os Kumbh Mela, os principais festivais do hinduísmo, que ocorrem em quatro locais diferentes na Índia - cada um deles sempre a cada 12 anos.
Esses homens hindus considerados sagrados, que vivem em campos de cremação - e esfregam cinzas no próprio corpo -, à margem da sociedade indiana, são conhecidos como aghoris. Em sânscrito, a palavra aghori significa "não aterrorizante", mas os relatos de seus rituais mórbidos evocam curiosidade e medo entre muitos.

Astrônomos detectam sinais de rádio vindos de galáxia distante

Astrônomos revelaram detalhes dos misteriosos sinais emitidos em uma galáxia distante, captados por um radiotelescópio no Canadá. A natureza e a origem das ondas de rádio exatas ainda são desconhecidas.

Gilles de Rais, o primeiro serial killer e pedófilo registrado na história

Gilles de Rais, que viveu no século 15, foi um rico barão francês e herói de guerra, mas também autor de terríveis atrocidades contra crianças que acabaram inspirando escritores a compor contos a seu respeito.
Um desses textos é o conto do Barba Azul, em que uma jovem descobre que seu marido esconde cadáveres de suas esposas anteriores em um armário.
Em uma região no nordeste da França, essa história está vinculada à de um assassino conhecido como Gilles de Rais, que viveu ali no século 15, 200 anos antes que Charles Perrault escrevesse a história de Barba Azul – que já fazia parte da tradição oral da região.
Gilles de Rais é considerado o primeiro serial killer documentado da história, embora dificilmente ele tenha sido o primeiro de fato.

O drama das escravas sexuais no Japão

Mulheres eram atraídas com promessas de carreiras bem-sucedidas como 'modelo' ou 'bailarina', mas forçadas a se prostituir para pagar supostas dívidas. Mulheres da America Latina que passaram por esse drama relatam situações de violência e abuso.
Entre uma e outra havia certa distância, para que pudessem cumprir uma ordem: a de esticar os braços e abrir as pernas para os lados.
De repente, caiu algo da vagina de uma delas. Era uma camisinha com dinheiro em seu interior.
"Quando viram o que era, eles queimaram os genitais da minha amiga com um cigarro."

Lev Tahor: A seita judaica ultraortodoxa acusada de sequestrar crianças nos EUA

Recentemente, quatro membros da seita Lev Tahor foram presos e acusados de sequestro de menores perante um tribunal de Nova York.
As prisões aconteceram depois que dois adolescentes sequestrados nos EUA foram encontrados com membros seita ultraortodoxa Lev Tahor. O acontecimento acabou levantando muitos olhares para a seita, até então pouco conhecida fora de Israel e da Guatemala, onde seus membros estão atualmente sediados.

Ativista relaciona João de Deus a tráfico de crianças

Sabrina Bittencourt, uma das principais responsáveis por divulgar as denúncias contra João De Deus, afirma ter descoberto a existência de uma rede de tráfico de bebês chefiada por João de Deus e que, além disso, garotas de 14 a 18 anos, na maioria negras e de baixa renda, teriam sido usadas como escravas sexuais.

Siga-nos no Facebook

Postagens Recomendadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...