O misterioso triângulo de Michigan


O lago Michigan é um grande lago localizando nos EUA, e ao longo dos anos acabou centro de uma série de misteriosos desaparecimentos de navios e aviões. Avistamentos de aviões fantasma também fazem parte dos relatos estranhos a respeito do local, que acabou conhecido como "O triangulo de Michigan" graças a uma certa área triangular onde segundo as autoridades a incidência de desaparecimentos seria maior.

Localização

O lago Michigan se estende pelos estados Americanos de Illinois, Michigan, Indiana e Wisconsin, é maior lago de água doce dentro das fronteiras dos Estados Unidos sendo que existem ao total cinco grandes lagos em território Americano, porém os outros quatros passam por territórios Canadense não sendo exclusividade somente dos Estados Unidos.


É considerado o quinto maior lago do mundo, o lago Michigan é imenso tendo um volume de cerca de 4.918 quilômetros cúbicos de água e em seu ponto mais profundo chega à incríveis 281 metros.

Os mistérios desaparecimentos do lago Michigan

Porém o lago não conta somente com suas belezas naturais, ele também esconde muitos mistérios, neste local desaparecem dezenas de pessoas todos os anos, tanto que as autoridades americanas chegaram a mapear uma área triangular onde, segundo pesquisadores e autoridades, tem o maior índice de desaparecimentos de embarcações, tripulantes e aviões, além de haver muitos relatos de avistamentos de óvnis vindos da população local, fatos que já vem sendo relatados ao longo de várias décadas.


Foram tantos os casos de desaparecimentos e de relatos estranhos, que à Administração de Aviação Federal dos Estados Unidos criou um serviço único para aquela região, aonde a população pode catalogar todos os seus casos.

Há também relatos vindos de controladores de voo do aeroporto Internacional de O'Hare que monitora aquela área, apontando para o surgimento de aviões fantasmas sobre a área mapeada do lago Michigan.

Inicio dos desaparecimentos

Os primeiros relatos de desaparecimentos de embarcações surgiram ainda no século XIX, um dos muitos casos de desaparecimento no Lago Michigan aconteceu no ano de 1891 com o desaparecimento da escuna Thomas Hune, além sete marinheiro incluindo o capitão George C. Albrecht, a embarcação desapareceu depois de enfrentar um forte vendaval enquanto navegava de Chicago para Muskegon, os destroços da embarcação nunca foram encontrados.

Em 1937 enquanto navegava para Port Washington, Wisconsin, o capitão George Donnor que comandava o cargueiro OM McFarland desapareceu misteriosamente em sua própria cabine, o mais estranho é que a porta estava trancada pelo lado de dentro, a tripulação só deu por falta do capitão, quando foram até sua cabine para acorda-lo as 06:00 horas da manhã a pedido do próprio capitão antes de se retirar para sua cabine.

Ao todos foram 40 desaparecimentos de aviões nesta área, mas, o mais famoso de todos os caso, foi o do sumiço do voo 2501 da companhia aérea "NorthWest" em 1950, o voo tinha partido de Nova York com destino a Minneapolis, o último contato com a aeronave foi por perto da meia noite quando o piloto Robert C. Lind solicitou permissão para diminuir a altitude de 3.500 Pés para 2.500, porém ao passar por cima do lago o avião misteriosamente caiu, na época uma grande operação de busca foi organizada, incluindo até o uso de sonar e arrastão no fundo na suposta área da queda, nunca foram recuperados os destroços, os corpos das vítimas e muito menos as caixas preta do voo 2501.



Algumas das vítimas
O avião era um turbo hélice de 4 motores, um DC-4 dos mais modernos na época, capaz de enfrentar turbulências e situações adversas (como a falha de 2 motores) e ainda assim continuar em voo.

As possíveis causas dos desaparecimentos

Muito se especula a respeito do que causaria tais desaparecimentos. Há quem acredite que no local podem ocorrer portais temporais ou interdimensionais.


Atividade ligada a seres de outros planetas também são apontadas como possíveis causas para os desaparecimentos.

Os mais conservadores atribuem os desaparecimentos as terríveis tempestades que costumam ocorrer na região. Um exemplo é o naufrágio do cargueiro Edmund Fitzgerald, que aconteceu em uma região não tão distante do triângulo de Michigan e mostra a força das tempestades nos grandes lagos dos EUA.


Em 1975, o navio Edmund Fitzgerald navegou ao longo do Lago Superior, em direção a Zug Island, perto de Detroit, EUA. Um navio de carga poderoso era famoso pelo seu tamanho impressionante e peso pesado. No entanto, o tamanho e o peso não importavam quando o navio precisava continuar viajando contra a vontade da própria natureza. Depois que ele tentou resistir a uma tempestade violenta e lidar com ondas de 10 metros, ele acabou perdendo a guerra e afundou. Não podendo pedir ajuda, todos os tripulantes - 27 pessoas - foram atrás do navio e foram encontrados no fundo do lago.


Outra explicação dada para o sumiço de pessoas nas águas do lago é a existência de correntes muito fortes no lago. No verão, o lago é um ponto popular da natação para os moradores e visitantes, apesar de suas perigosas correntes que ceifam algumas vidas a cada ano. A forma do Lago Michigan torna particularmente propensas a correntes de retorno perigosas. Sabe-se que esse lago se torna mais letal nos meses de outubro e novembro, quando mudanças repentinas e significativas nas temperaturas do ar e da água aumentam a força das correntes e ondas.

E vocês meus caros amigos e amigas...qual das explicações são as que vocês aceitam como verdadeiras?

Fontes: Curiosidades que nos Cercam, Além da Imaginação e Gizmodo

Quando amanhecer, você já será um de nós...

Comentários

SIGA-NOS NO FACEBOOK

POSTAGENS MAIS VISITADAS DA SEMANA

Links da Deep Web 2019

Links da Deep Web 2018

O misterioso desaparecimento de Jimmy Hoffa

Links da Deep Web

A lenda da mulher do Táxi