Satoru-kun, o menino demônio - Lenda urbana japonesa Pular para o conteúdo principal

Satoru-kun, o menino demônio - Lenda urbana japonesa


Satoru-kun é o personagem de uma lenda urbana que surgiu há poucos anos no Japão. Contam que ele é um fantasma ou o espírito de um demônio que aparece na forma de um menino assustador, com aproximadamente 7 ou 8 anos.

Seus olhos são profundos e de cor avermelhada. Acredita-se que a entidade viva em outra dimensão, mais precisamente no submundo, ou seja, no inferno.

A lenda conta que Satoru-kun conhece o passado, o presente e o futuro, por isso pode responder a qualquer pergunta. Outras versões narram que ele também pode realizar um desejo. Para tanto, basta fazer uma ligação por intermédio de um telefone público para invocá-lo.

A lenda acabou se tornando bastante popular até mesmo no ocidente, sendo que muitos jovens já tentaram realizar o seu ritual de invocação. Convido os amigos e amigas a conhecer um pouco mais a respeito dessa curiosa lenda urbana originária do Japão, lembrando que o blog Noite Sinistra não incentiva ninguém a realizar nenhum tipo de ritual sem profundos conhecimentos a respeito do assunto.


Satoru kun, arte de Kiyu (Foto: Kiyu)
Para chamar Satoru-kun, é preciso possuir um aparelho celular e ir a um telefone público com uma moeda de 10 ienes ou apenas com um cartão telefônico para fazer a ligação. Contudo, diz-se que a moeda de 10 ienes surte mais efeito.

Ritual para invocação

Primeiro, coloque a moeda ou o cartão no telefone público e ligue para o seu próprio número do celular. Ao fazer a ligação, fale ao telefone as seguintes palavras:

— Satoru-kun, Satoru-kun. Se você estiver aí, poderia, por favor, vir aqui?

Repita a frase por três vezes e encerre a ligação. Depois desligue o seu celular, de modo que ele fique completamente desligado e não em modo silencioso. Em seguida, espere por ele em casa.

Dentro de 24 horas, Satoru-kun vai ligar para o seu celular. Se você atender a chamada, ele vai lhe dizer onde está localizado ao longo de algumas ligações até “chegar à você”.

Ele vai lhe chamar da mesma forma por várias vezes, informando “lentamente” onde está até ficar mais perto, mais perto e mais perto de onde você mora.

— Agora, eu estou na estação.
— Estou caminhando em uma rua.
— Estou na rua onde você mora.
— Estou em frente à sua casa.
— Estou em sua porta.

Ele dirá essas palavras acima durante as ligações até realizar a última chamada e dizer:

— Estou bem atrás de você!

Feito isso, ele vai responder a qualquer pergunta que o fizer. No entanto, você deve ter muito cuidado ao invocá-lo, pois se virar para trás e encará-lo, tocá-lo ou não tiver uma pergunta pronta para lhe fazer, imediatamente será arrebatado para o mundo de Satoru-kun.


Popularidade da lenda

Apesar de recente, a lenda urbana de Satoru-kun ganhou popularidade não só no Japão como também no ocidente, principalmente nos Estados Unidos, onde se tornou febre entre os jovens nos anos de 2011.

Satoru-kun também tem sua “história” narrada em livros recentemente publicados. O mais famoso é ‘O Monstro Satoru-kun’, do escritor Takara Shigeru, ainda não traduzido para o ocidente. O livro foi usado como uma das fontes principais na “compilação deste artigo”, segundo o texto base de pesquisa conforme os amigos e amigas podem conferir ao final da matéria.

Capa do livro ‘O Monstro Satoru-kun’, de Takara Shigeru (Foto: Reprodução/Mundo Nipo)

No Japão, animes e até seriados já foram produzidos com base na lenda. Além disso, existem vários vídeos no YouTube produzidos por adolescentes japoneses. Neles, os jovens realizam o ritual de invocação de Satoru-kun.

Apesar de amadoras, algumas produções são particularmente assustadoras, com cenas de muito suspense e completamente perturbadoras, gravadas em tempo real durante todo o processo de invocação do “monstro Satoru-kun”.


Fontes: Mundo Nipo (Matéria de Maria Rosa) e Medo Sensitivo

Quando amanhecer, você já será um de nós...


CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA



Comentários

Siga-nos no Facebook

Postagens Recomendadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais acessadas no último mês

Links da Deep Web 2018

Saudações amigos e amigas. Hoje eu volto a publicar no blog Noite Sinistra uma matéria com links da deep web e prints da deep web.
Os links apresentados na matéria abaixo foram coletados entre janeiro e fevereiro de 2018, estando todos eles ativos nesse período, mas nada pode garantir que os mesmos estarão ativos até o final do ano, afinal de contas muitos sites na deep web mudam constantemente seus endereços afim de se manterem o mais seletivos quanto aos usuários que frequentam o espaço.

Exorcismo e orações em Latim

Nas culturas egípcia, babilônica, assíria e judaica, atribuíam-se certas doenças e calamidades naturais à ação dos demônios. Para afastá-los, recorria-se a algum esconjuro ou exorcismo. A cultura ocidental recebeu essas idéias através da Bíblia e do cristianismo primitivo.

Luka Rocco Magnotta: 1 Lunatic 1 Ice Pick

Luka Rocco Magnotta (nascido Eric Clinton Kirk Newman; 24 de julho, 1982) é um ator pornográfico e modelo acusado de matar e desmembrar Lin Jun, um estudante chinês, e mandar vários de seus pedaços por correio para escritórios de partidos políticos canadenses e para escolas elementares de outra província.
Após o vídeo mostrando o assassinato ser publicado, primeiramente, em Fóruns da Deep Web (o vídeo ficou conhecido como "1 Lunatic 1 Ice Pick"), porém hoje em dia o vídeo já pode ser facilmente encontrado em sites especializados em terror Gore, Magnotta fugiu do país, tornando-se motivo para uma “Nota Vermelha da Interpol”, e assim iniciando uma verdadeira caçada internacional. Ele foi preso em 4 de Junho de 2012 em uma Lan House em Berlin, enquanto lia notícias a respeito de si mesmo.

Cinco mulheres que afirmam ter dado a luz ao filho do Diabo

Saudações amigos e amigas. Hoje decidi compartilhar com vocês uma bizarra lista, na qual conheceremos a história de 5 mulheres que afirmam ter dado a luz ao filho do demônio. Convido a todos a conhecerem esses estranhos relatos.

A origem da Deep Web

O termo Deep Web passou a ser usado entre os anos de 2001 e 2002, e hoje em dia é sinônimo de crimes cibernéticos e da obscuridade humana. Embora ainda não fosse denominada da forma que é hoje, a deep web já está ativa desde a década de 70. Convido todos a conhecer um pouco mais sobre esse assunto na matéria abaixo.