Campainha de Oxford: Misteriosa bateria funciona há 175 anos com a mesma carga Pular para o conteúdo principal

Campainha de Oxford: Misteriosa bateria funciona há 175 anos com a mesma carga


Seria maravilhoso se as baterias de eletrônicos durassem tanto quanto esta bateria que já funciona há 175 na Universidade de Oxford. Claro que ela é uma bateria muito simples e não seria forte o suficiente para fazer eletrônicos funcionarem, mas a ideia em si já é atraente.

Tudo começou em 1840, quando um experimento desenvolvido no Laboratório Clarendon não acabou como o esperado. Até hoje, os pesquisadores não entendem como a Campainha de Oxford Electric Bell (ou Pilha-de-Volta de Clarendon) não parou de funcionar.

Esta bateria inclui dois sinos de latão semelhantes a campainhas de hotel posicionadas lado a lado com um pequeno badalo entre os dois, suspenso por um fio. Acima dos sinos, há duas pilhas secas conectadas em série. O badalo de 4 mm de diâmetro toca os sinos alternadamente devido à força eletrostática, provocando percussão mínima nos sinos, que mal emitem som alto suficiente para ser captado pelo ouvido humano em condições normais. Como o experimento é protegido por duas camadas de vidro, esse som não pode ser ouvido por quem visita a exposição da Universidade de Oxford.

Quando o pêndulo toca um sino, ele é carregado por uma das pilhas, e é repelido por eletrostática, sendo atraído pelo sino oposto. Ao se aproximar do outro sino, o processo se repete.

O que impressiona neste experimento é que o movimento do martelo ainda não terminou, gerando o som por 175 anos. Estima-se que os sinos já tenham tocado mais de 10 bilhões de vezes.

A Campainha de Oxford, porém, não é um moto-perpétuo. Em algum momento ela irá parar de tocar, quando as pilhas distribuírem suas cargas igualmente. Isso pode levar um bom tempo, tanto que há a possibilidade de que o badalo se desmanche antes das pilhas pararem de funcionar.

A bateria em questão funciona como uma pilha seca de Giuseppe Zamboni, criada em 1812. Ela é uma bateria eletrostática feita com discos de folhas de prata, folhas de zinco e papel. Os discos têm aproximadamente 20 mm de diâmetro e são empilhados. É necessário empilhar milhares discos que são comprimidos em um tubo de vidro.


Fonte: HypeScience

Quando amanhecer, você já será um de nós...


CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA



Comentários

Postar um comentário

Siga-nos no Facebook

Postagens Recomendadas

Postagens mais acessadas no último mês

Links da Deep Web 2018

Saudações amigos e amigas. Hoje eu volto a publicar no blog Noite Sinistra uma matéria com links da deep web e prints da deep web.
Os links apresentados na matéria abaixo foram coletados entre janeiro e fevereiro de 2018, estando todos eles ativos nesse período, mas nada pode garantir que os mesmos estarão ativos até o final do ano, afinal de contas muitos sites na deep web mudam constantemente seus endereços afim de se manterem o mais seletivos quanto aos usuários que frequentam o espaço.

Exorcismo e orações em Latim

Nas culturas egípcia, babilônica, assíria e judaica, atribuíam-se certas doenças e calamidades naturais à ação dos demônios. Para afastá-los, recorria-se a algum esconjuro ou exorcismo. A cultura ocidental recebeu essas idéias através da Bíblia e do cristianismo primitivo.

O paraíso do LSD

Em 1997, um químico orgânico chamado Leonard Pickard, junto a Gordon Todd Skinner, construíram o maior laboratório de LSD do mundo. No local, um antigo silo nuclear, eram realizadas várias festas e orgias regadas a drogas.
Segundo fontes, tal laboratório era tão grande que chegou a produzir cerca de 90% do LSD disponível no mundo, isso sem falar nas grandes quantidades desconhecidas de MDMA, ALD-52, extrato de ergot e possivelmente LSZ.

Luka Rocco Magnotta: 1 Lunatic 1 Ice Pick

Luka Rocco Magnotta (nascido Eric Clinton Kirk Newman; 24 de julho, 1982) é um ator pornográfico e modelo acusado de matar e desmembrar Lin Jun, um estudante chinês, e mandar vários de seus pedaços por correio para escritórios de partidos políticos canadenses e para escolas elementares de outra província.
Após o vídeo mostrando o assassinato ser publicado, primeiramente, em Fóruns da Deep Web (o vídeo ficou conhecido como "1 Lunatic 1 Ice Pick"), porém hoje em dia o vídeo já pode ser facilmente encontrado em sites especializados em terror Gore, Magnotta fugiu do país, tornando-se motivo para uma “Nota Vermelha da Interpol”, e assim iniciando uma verdadeira caçada internacional. Ele foi preso em 4 de Junho de 2012 em uma Lan House em Berlin, enquanto lia notícias a respeito de si mesmo.

Ted Bundy: O assassino de jovens mulheres

Saudações amigos e amigas. Hoje falaremos de um dos mais notórios serial killers que o mundo já conheceu: Ted Bundy. Ele assassinou cerca de 35 mulheres (crimes reconhecidos pelas autoridades) entre os anos de 1974 e 1978 em seis diferentes estados dos EUA. Ted Bundy é tido, por muitos, como o mais marcante serial killer dos EUA, tornando-se um verdadeiro pop star, muito disso talvez pela forma em que atuou no seu próprio julgamento, ou talvez pela desenvoltura que demonstrava defronte as câmeras em inúmeras entrevistas que deu durante o período em que esteve preso.