PMs arrastam mulher com viatura Pular para o conteúdo principal

PMs arrastam mulher com viatura


Vídeo amador divulgado pelo jornal Extra (ver mais abaixo) mostra uma viatura do 9º Batalhão da Polícia Militar do Rio de Janeiro arrastando o corpo de uma vítima de tiroteio na cidade. As imagens foram gravadas por um cinegrafista amador.

Após rolar dentro do porta-malas aberto, o corpo de Claudia Silva Ferreira, 38 anos, caiu na rua e foi arrastado por 250 metros. Só após essa distância ter sido percorrida que os PMs pararam a viatura para recolocá-la dentro do veículo.


Claudia havia sido vítima de uma troca de tiros entre PMs e bandidos no Morro da Congonha, em Madureira. À Polícia Civil, os oficiais responsáveis pelo transporte do corpo afirmaram que ela foi levada ainda com vida ao Hospital Carlos Chagas, mas não resistiu. A secretaria Estadual de Saúde do Rio afirma que ela chegou morta ao local.


"Foi revoltante ver aquele corpo pendurado. Eles iam ultrapassando outros carros, e o corpo ia batendo. As pessoas na rua gritavam, tentando avisar os policiais, mas eles não ouviam. Só pararam por causa do sinal e, aí, conseguiram ouvir o que as pessoas diziam. Dois policiais, então, desceram da viatura e puseram o corpo de volta no carro", afirmou o cinegrafista, que teve seu nome mantido em anonimato.

PMs responsáveis pelo caso foram presos

Em nota, a Polícia Militar informou que "este tipo de conduta não condiz com um dos principais valores da corporação, que é a preservação da vida e dignidade humana". A Polícia Civil também investiga o caso. Além de Claudia, um suspeito de envolvimento com o tráfico também foi baleado na operação.

Dois subtenentes e um soldado estão presos. A corporação não divulgou os nomes dos policiais.


Fonte: Yahoo

Quando amanhecer, você já será um de nós...

Não deixe de dar uma conferida nas redes sociais do blog Noite Sinistra...

 Siga o Noite Sinistra no Twitter   Noite Sinistra no Facebook   Comunidade Noite Sinistra no Google +   Noite Sinistra no Tumblr

CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA



VOLTAR PARA A PÁGINA INICIAL...

Comentários

  1. Malditos...
    Não perdem por esperar.

    ResponderExcluir
  2. Bem feito, quantas vezes essa senhora denunciou os ladrões e bandidos da sua "comunidade", nunca?!? Ela provocou a situação que resultou na sua morte. Esses vagabundos vivem admirando os bandidões da favela como heróis e depois que morrem de bala perdida, dizem que só a polícia é que atirou, só tem anjo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com você. E digo mais. A policia não devia subir os morros deixa a população a mercê de seus "Heróis". Mas também não deixar a vagabundagem descer...

      Excluir
    2. Algum dos dois acima vive em favela? Certamente não. Vocês pelo menos fazem ideia do que os traficantes fazem com delatores? As pessoas de bem que moram no morro muitas vezes são coagidas a base de muita violência. E pergunto aos intelectuais acima: Do que adianta denunciar se a polícia muitas vezes não tem condições de subir o morro?
      Pensem um pouco, não é difícil. Vocês iriam denunciar um vizinho seu, sabendo que ele pode descobrir, pois talvez alguém dentro da polícia está recebendo uma grana desse cara, justamente para alertar esse seu vizinho traficante a respeito de delatores e sobre ações da polícia. E se ele descobrir vc vai se fuder legal. Você denunciaria esse vizinho sabendo desses riscos, e sabendo que muito provavelmente a policia não faria nada pela sua denuncia, pois não possuem condições ou não querem fazer nada?
      Nem todo mundo que mora no morro é traficante, bandido, ladrão, estuprador, etc. É fácil julgar os outros quando você está sentado em um apartamento, ou casa confortável, usando sua banda larga e seu computador Aple, que seu pai comprou.

      Excluir

Postar um comentário

Siga-nos no Facebook

Postagens Recomendadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais acessadas no último mês

Links da Deep Web 2018

Saudações amigos e amigas. Hoje eu volto a publicar no blog Noite Sinistra uma matéria com links da deep web e prints da deep web.
Os links apresentados na matéria abaixo foram coletados entre janeiro e fevereiro de 2018, estando todos eles ativos nesse período, mas nada pode garantir que os mesmos estarão ativos até o final do ano, afinal de contas muitos sites na deep web mudam constantemente seus endereços afim de se manterem o mais seletivos quanto aos usuários que frequentam o espaço.

Exorcismo e orações em Latim

Nas culturas egípcia, babilônica, assíria e judaica, atribuíam-se certas doenças e calamidades naturais à ação dos demônios. Para afastá-los, recorria-se a algum esconjuro ou exorcismo. A cultura ocidental recebeu essas idéias através da Bíblia e do cristianismo primitivo.

Luka Rocco Magnotta: 1 Lunatic 1 Ice Pick

Luka Rocco Magnotta (nascido Eric Clinton Kirk Newman; 24 de julho, 1982) é um ator pornográfico e modelo acusado de matar e desmembrar Lin Jun, um estudante chinês, e mandar vários de seus pedaços por correio para escritórios de partidos políticos canadenses e para escolas elementares de outra província.
Após o vídeo mostrando o assassinato ser publicado, primeiramente, em Fóruns da Deep Web (o vídeo ficou conhecido como "1 Lunatic 1 Ice Pick"), porém hoje em dia o vídeo já pode ser facilmente encontrado em sites especializados em terror Gore, Magnotta fugiu do país, tornando-se motivo para uma “Nota Vermelha da Interpol”, e assim iniciando uma verdadeira caçada internacional. Ele foi preso em 4 de Junho de 2012 em uma Lan House em Berlin, enquanto lia notícias a respeito de si mesmo.

O paraíso do LSD

Em 1997, um químico orgânico chamado Leonard Pickard, junto a Gordon Todd Skinner, construíram o maior laboratório de LSD do mundo. No local, um antigo silo nuclear, eram realizadas várias festas e orgias regadas a drogas.
Segundo fontes, tal laboratório era tão grande que chegou a produzir cerca de 90% do LSD disponível no mundo, isso sem falar nas grandes quantidades desconhecidas de MDMA, ALD-52, extrato de ergot e possivelmente LSZ.

Ted Bundy: O assassino de jovens mulheres

Saudações amigos e amigas. Hoje falaremos de um dos mais notórios serial killers que o mundo já conheceu: Ted Bundy. Ele assassinou cerca de 35 mulheres (crimes reconhecidos pelas autoridades) entre os anos de 1974 e 1978 em seis diferentes estados dos EUA. Ted Bundy é tido, por muitos, como o mais marcante serial killer dos EUA, tornando-se um verdadeiro pop star, muito disso talvez pela forma em que atuou no seu próprio julgamento, ou talvez pela desenvoltura que demonstrava defronte as câmeras em inúmeras entrevistas que deu durante o período em que esteve preso.