Representante da NASA afirma que o super-vulcão Yellowstone é mais perigoso que asteroides Pular para o conteúdo principal

Representante da NASA afirma que o super-vulcão Yellowstone é mais perigoso que asteroides


Muitas pessoa não acreditaram nas reportagens publicadas nos últimos anos em diversos sites e até em documentários que falam sobre o perigo que o super-vulcão do Parque Nacional de Yellowstone, nos EUA, apresenta para a humanidade.

Aqui no blog Noite Sinistra já foram publicadas algumas matérias a esse respeito, conforme os amigos e amigas podem conferir clicando AQUI, AQUI e AQUI. Todas essas matérias geraram alguma repercussão por parte dos leitores aqui do blog, principalmente no Facebook, afirmando que essas matérias são exageradamente alarmistas. Apesar de acreditar que o Yellowston possa ser uma ameaça, também vejo as matérias e documentários a respeito do assunto como alarmistas, mas o interesse científico a respeito do tema existe, conforme pode-se observar na matéria abaixo.

Um representante da NASA se manifestou sobre a possibilidade de que o super-vulcão do Parque Nacional de Yellowston apresentar uma ameaça para a raça humana, e afirma que a agência norte americana esta trabalhando em uma solução para a questão.

A NASA estaria bolando um plano para possivelmente proteger a raça humana de uma possível erupção do antigo Super-vulcão Yellowstone ativo, que reside em um dos lugares mais bonitos do mundo, o Parque Nacional de Yellowstone.

Este super-vulcão que entra em erupção a cada 600.000 anos possui características tais como 10.000 fontes termais, vasos de lama, terraços e gêiseres, inclusive o gêiser chamado Old Faithful. E a última vez que o vulcão completou sua erupção foi a cerca de 600 mil anos atrás, o que é usado para apontar o risco de uma nova erupção, afinal de contas o ciclo de erupções do super vulcão estaria se iniciando.

Caso ocorra uma erupção do super vulcão em grande escala, virtualmente todo o noroeste dos Estados Unidos será completamente destruído e a erupção mataria tudo dentro de um raio de 160 km do Parque, imediatamente. Essa erupção cobriria todo o meio oeste dos Estados Unidos com cinza vulcânica e a produção de alimentos daquele país seria completamente eliminada. Um ‘inverno vulcânico’ que seria causado pela erupção iria esfriar radicalmente o planeta. Alguns cientistas acreditam que as temperaturas globais declinariam em até 20 graus, o que poderia ser catastrófico para toda a atividade agrícola mundial, causando a morte de milhões de pessoas devido a fome. Os Estados Unidos nunca seriam os mesmos após a erupção. Alguns cientistas predizem que se a cratera explodir, dois terços daquele país ficaria completamente inabitável.

De acordo com a estratégia da NASA, o objetivo é esfriar este super-vulcão, bombeando água para ele a alta pressão através da perfuração de um buraco de 10 quilômetros.

De acordo com Brian Wilcox do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA (JPL) no Instituto de Tecnologia da Califórnia, o super-vulcão representa uma ameaça substancialmente maior que um asteroide ou a cometa.

Ele disse:
"Uma perfuração desta maneira poderia ser usada para criar uma usina geotérmica, que gera energia elétrica.

Você teria que dar às empresas geotérmicas incentivos para perfurarem um pouco mais profundo e usarem água mais quente do que o normalmente o fariam, mas você pagaria seu investimento inicial e obteria eletricidade, o que pode alimentar a área circundante por um período de potencialmente dezenas de milhares de anos. E o benefício a longo prazo é que você impede uma futura erupção do super-vulcão, o que devastaria a humanidade".

No entanto, perfurar um super-vulcão tem muitos perigos em potencial. Ele acrescentou:

"Se você perfurar o topo da câmara de magma e tentar esfriar a partir daí, isso seria muito arriscado. Isso poderia fazer a tampa sobre a câmara de magma mais quebradiça e propensa à fratura. E você pode desencadear a liberação de gases voláteis nocivos no magma no topo da câmara, que de outro modo não seriam liberados".

Fontes: OVNI Hoje e News Nation

Quando amanhecer, você já será um de nós...


CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA



Comentários

  1. Ever wanted to get free Twitter Re-tweets?
    Did you know that you can get these ON AUTOPILOT AND TOTALLY FOR FREE by using Like 4 Like?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Siga-nos no Facebook

Postagens Recomendadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais acessadas no último mês

Links da Deep Web 2018

Saudações amigos e amigas. Hoje eu volto a publicar no blog Noite Sinistra uma matéria com links da deep web e prints da deep web.
Os links apresentados na matéria abaixo foram coletados entre janeiro e fevereiro de 2018, estando todos eles ativos nesse período, mas nada pode garantir que os mesmos estarão ativos até o final do ano, afinal de contas muitos sites na deep web mudam constantemente seus endereços afim de se manterem o mais seletivos quanto aos usuários que frequentam o espaço.

Exorcismo e orações em Latim

Nas culturas egípcia, babilônica, assíria e judaica, atribuíam-se certas doenças e calamidades naturais à ação dos demônios. Para afastá-los, recorria-se a algum esconjuro ou exorcismo. A cultura ocidental recebeu essas idéias através da Bíblia e do cristianismo primitivo.

Luka Rocco Magnotta: 1 Lunatic 1 Ice Pick

Luka Rocco Magnotta (nascido Eric Clinton Kirk Newman; 24 de julho, 1982) é um ator pornográfico e modelo acusado de matar e desmembrar Lin Jun, um estudante chinês, e mandar vários de seus pedaços por correio para escritórios de partidos políticos canadenses e para escolas elementares de outra província.
Após o vídeo mostrando o assassinato ser publicado, primeiramente, em Fóruns da Deep Web (o vídeo ficou conhecido como "1 Lunatic 1 Ice Pick"), porém hoje em dia o vídeo já pode ser facilmente encontrado em sites especializados em terror Gore, Magnotta fugiu do país, tornando-se motivo para uma “Nota Vermelha da Interpol”, e assim iniciando uma verdadeira caçada internacional. Ele foi preso em 4 de Junho de 2012 em uma Lan House em Berlin, enquanto lia notícias a respeito de si mesmo.

O paraíso do LSD

Em 1997, um químico orgânico chamado Leonard Pickard, junto a Gordon Todd Skinner, construíram o maior laboratório de LSD do mundo. No local, um antigo silo nuclear, eram realizadas várias festas e orgias regadas a drogas.
Segundo fontes, tal laboratório era tão grande que chegou a produzir cerca de 90% do LSD disponível no mundo, isso sem falar nas grandes quantidades desconhecidas de MDMA, ALD-52, extrato de ergot e possivelmente LSZ.

Ted Bundy: O assassino de jovens mulheres

Saudações amigos e amigas. Hoje falaremos de um dos mais notórios serial killers que o mundo já conheceu: Ted Bundy. Ele assassinou cerca de 35 mulheres (crimes reconhecidos pelas autoridades) entre os anos de 1974 e 1978 em seis diferentes estados dos EUA. Ted Bundy é tido, por muitos, como o mais marcante serial killer dos EUA, tornando-se um verdadeiro pop star, muito disso talvez pela forma em que atuou no seu próprio julgamento, ou talvez pela desenvoltura que demonstrava defronte as câmeras em inúmeras entrevistas que deu durante o período em que esteve preso.