A estranha febre das bonecas 'sobrenaturais' na Tailândia Pular para o conteúdo principal

A estranha febre das bonecas 'sobrenaturais' na Tailândia


Há algum tempo a matéria "Tailandesa usa antigo ritual para fazer espíritos possuírem bonecas" (clique AQUI para recordar) foi ao ar aqui no blog Noite Sinistra falando desse estranho costume tailandês. Hoje volto a falar do assunto trazendo para os amigos e amigas algumas novidades a respeito desse assunto, que parece ter se tornado uma epidemia no país asiático.

A Tailândia está sendo tomada por uma verdadeira febre de bonecas super-realistas que muitos acreditam terem poderes "sobrenaturais".

As bonecas, conhecidas como "luk thep" (na tradução literal "crianças anjos", ou deusinhos) podem ser vistas em restaurantes, parques e até em viagens de avião.


Seus donos acreditam que esses brinquedos, benzidos por monges, têm alma e os mimam na esperança de que isso lhes traga sorte.

Mas os privilégios dedicados a elas também causaram reação e alertas de autoridades.

Após comprar uma boneca, o dono a leva a um monge que faz uma reza em uma cerimônia de unção conhecida como "plook sek".

Esses rituais normalmente são usados para abençoar amuletos, que também são populares na Tailândia, onde antigas crenças em mágica ainda são comuns.


No caso das "luk thep", a unção costuma ser vistas como uma forma de dar vida à boneca, convidando-se um espírito errante a habitá-la e dar alma a ela.

Polêmica

Na semana passada, a companhia aérea Thai Smile Airways causou surpresa ao anunciar que os passageiros poderiam comprar bilhetes para as bonecas, que teriam seus próprios assentos, comida e bebida. Mas autoridades interferiram.

"Baseado nas regras da aviação, passageiros são pessoas. Então companhias aéreas não estão autorizadas a vender passagens para bonecas", disse um porta-voz da Autoridade de Aviação Civil da Tailândia, de acordo com o jornal The Bangkok Post.

Ele acrescentou que os passageiros podem comprar uma outra passagem em seu nome e colocar as bonecas ali.


Pelo menos um restaurante em Bangkok lucrou com a moda. O Neta Grill está oferecendo refeições para "luk theps" com preços para crianças, acrescentando que o restaurante está aberto a "todos os adoradores".

Diversos donos de bonecas disseram à BBC Thai (o serviço da BBC em tailandês) que ela era mais que um talismã e que as tratavam como suas próprias filhas.

"Eu não acreditava em magia, mas depois que cuidei de uma 'luk thep' várias coisas inexplicáveis aconteceram comigo", disse uma mulher.

"Minha filha quer uma irmã e amiga. Na escola dela, todas as amigas têm a boneca... então minha filha quer uma, como todo mundo", disse uma outra pessoa que comprou a boneca.

Consumismo

Donos "superprotetores" têm comprado acessórios caros e joias para suas bonecas. A antropóloga Asama Mungkornchai, da Universidade Prince of Songkla em Pattani, disse que as bonecas são especialmente populares entre mulheres de classe média, e poderiam "preencher um desejo de maternidade".

Mas o fato de muitos dizerem que precisam da boneca para trazer-lhes sorte e saúde também destaca um "sentimento corrente de insegurança entre a classe média tailandesa, principalmente em relação à economia", disse.

A febre foi alvo de críticas. O primeiro-ministro, Prayuth Chan-ocha, pediu que os tailandeses não se deixassem levar pela moda e não comprassem bonecas se não puderem pagar por elas, de acordo com a rede Thai PBS.

O preço de uma boneca varia de 1.500 baht (equivalente a R$ 140) a milhares de bahts.

A polícia também demonstrou preocupação com vendedores de bonecas "ilegais" - sem pagar imposto. Também afirmou que as bonecas poderiam ser usadas para tráfico de drogas em aviões.

A polícia apreendeu uma boneca com 200 comprimidos da droga recreacional "yaba".

Até questões religiosas foram levantadas sobre se era apropriado conduzir rituais budistas com as bonecas. Houve reação online e muitos criticaram os donos por serem supersticiosos.

Mas o "Órgão Nacional de Budismo" disse à Thai PBS que as unções não eram diferentes das dadas a carros e outros objetos, prática largamente aceita.


Acharn Winai Thitapany, monge do templo Bua Kwan, conhecido pelas unções em bonecas, disse à BBC Thai que "os monges podem recitar encantamentos para agradar pessoas já que isso não viola nosso código de disciplina".

Fonte: BBC

Quando amanhecer, você já será um de nós...


CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA



Comentários

Siga-nos no Facebook

Postagens Recomendadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais acessadas no último mês

Links da Deep Web 2018

Saudações amigos e amigas. Hoje eu volto a publicar no blog Noite Sinistra uma matéria com links da deep web e prints da deep web.
Os links apresentados na matéria abaixo foram coletados entre janeiro e fevereiro de 2018, estando todos eles ativos nesse período, mas nada pode garantir que os mesmos estarão ativos até o final do ano, afinal de contas muitos sites na deep web mudam constantemente seus endereços afim de se manterem o mais seletivos quanto aos usuários que frequentam o espaço.

Exorcismo e orações em Latim

Nas culturas egípcia, babilônica, assíria e judaica, atribuíam-se certas doenças e calamidades naturais à ação dos demônios. Para afastá-los, recorria-se a algum esconjuro ou exorcismo. A cultura ocidental recebeu essas idéias através da Bíblia e do cristianismo primitivo.

Luka Rocco Magnotta: 1 Lunatic 1 Ice Pick

Luka Rocco Magnotta (nascido Eric Clinton Kirk Newman; 24 de julho, 1982) é um ator pornográfico e modelo acusado de matar e desmembrar Lin Jun, um estudante chinês, e mandar vários de seus pedaços por correio para escritórios de partidos políticos canadenses e para escolas elementares de outra província.
Após o vídeo mostrando o assassinato ser publicado, primeiramente, em Fóruns da Deep Web (o vídeo ficou conhecido como "1 Lunatic 1 Ice Pick"), porém hoje em dia o vídeo já pode ser facilmente encontrado em sites especializados em terror Gore, Magnotta fugiu do país, tornando-se motivo para uma “Nota Vermelha da Interpol”, e assim iniciando uma verdadeira caçada internacional. Ele foi preso em 4 de Junho de 2012 em uma Lan House em Berlin, enquanto lia notícias a respeito de si mesmo.

O paraíso do LSD

Em 1997, um químico orgânico chamado Leonard Pickard, junto a Gordon Todd Skinner, construíram o maior laboratório de LSD do mundo. No local, um antigo silo nuclear, eram realizadas várias festas e orgias regadas a drogas.
Segundo fontes, tal laboratório era tão grande que chegou a produzir cerca de 90% do LSD disponível no mundo, isso sem falar nas grandes quantidades desconhecidas de MDMA, ALD-52, extrato de ergot e possivelmente LSZ.

Ted Bundy: O assassino de jovens mulheres

Saudações amigos e amigas. Hoje falaremos de um dos mais notórios serial killers que o mundo já conheceu: Ted Bundy. Ele assassinou cerca de 35 mulheres (crimes reconhecidos pelas autoridades) entre os anos de 1974 e 1978 em seis diferentes estados dos EUA. Ted Bundy é tido, por muitos, como o mais marcante serial killer dos EUA, tornando-se um verdadeiro pop star, muito disso talvez pela forma em que atuou no seu próprio julgamento, ou talvez pela desenvoltura que demonstrava defronte as câmeras em inúmeras entrevistas que deu durante o período em que esteve preso.