Israel lança veículo militar ideal contra o apocalipse zumbi Pular para o conteúdo principal

Israel lança veículo militar ideal contra o apocalipse zumbi


A cena é clássica. A cidade destruída, repleta de ruínas dá lugar a uma vegetação crescente. O silêncio, opressor, só é cortado pelo vento e ocasionalmente pelos gritos dos abutres que disputam os restos das carcaças e os gemidos que ecoam pelos cantos mais escuros da cidade desabitada. Nesses lugares sujos e com cheiro de carne apodrecida estão milhares de carcaças cambaleantes, se esbarrando e eventualmente caindo umas sobre as outras. Quase não há mais gente viva no mundo tomado pelo apocalipse zumbi, e os poucos que ainda restam lutam entre si pelas pequenas comodidades, cada vez mais raras e escassas, como acesso à água limpa.

O medo da contaminação é constante, e as constantes migrações dos mortos vivos deixa todos os lugares vulneráveis.

Qual veículo de uso mais convencional, ou nos moldes convencionais seria indicado para enfrentar uma cidade repleta de zumbis?

Durante anos, Humvee AM General tem sido o burro de carga preferido do exército norte-americano, mas agora parece que chegou um concorrente literalmente de peso.

Em vez de esperar o movimento da concorrência, uma empresa israelense chamada Military Industries desenvolveu seu próprio veículo extremo tático, que eles chamaram de “Combate Guard”.

Parece perfeito para esmagar hordas de zumbis descontrolados. Naturalmente, ele tem tração nas quatro rodas e um grande motor de 300 cavalos de potência à Diesel, da General Motors. Dispensa dizer que ele é todo blindado contra pequenas armas de fogo, minas terrestres, e IEDs e pode transportar até oito soldados em relativo conforto.


Para maior proteção, ele também tem um sistema de contra medidas eletrônico chamado “seta brilhante” que pode ser usado para desviar ou destruir os disparos de armas teleguiadas, antes que o atinja.

Como muitos filmes de zumbis nos mostram, às vezes, a melhor defesa é uma fuga rápida. Por isso, o Combat Guard não vai deixá-lo socando o pé na tábua gritando “mais rápido”! Com 150 km/h de velocidade máxima, dá pra escapar de praticamente qualquer inimigo, e você pode até mesmo entrar em modo off road que chega a estupendos 75 quilômetros por hora na pedra, lama, terra, matagal ou o que dê o azar de entrar no seu caminho.

Não obstante, esse carro aqui pode mergulhar em rios de até cinco metros de profundidade, reduzir a inclinação de 70 graus, e subir uma parede vertical de 30 polegadas.

Enquanto o desenvolvimento do veículo é feito por Israel, muito de seus componentes eletrônicos são produzidos nos Estados Unidos. Parece só uma curiosidade, mas creio que colocar este detalhe como algo “importante” tem um peso para a venda desse veículo aos EUA, que estão sempre investindo em renovação de seu parque bélico (até porque eles usam!). Certamente, dizer que usa eletrônica americana deve favorecer as vendas para o mercado norte-americano.

Ta certo que esse veículo não foi desenvolvido para combater os zumbis - pelo menos não oficialmente - mas essa seria uma arma interessante para a sobrevivência no caso de um apocalipse zumbi. Ele é melhor que os ônibus, trailers e demais latas-velhas que vemos os sobreviventes usando nos filmes.


Você pode acessar o vídeo clicando AQUI.

Fonte: Mundo Gump.

Quando amanhecer, você já será um de nós...

Não deixe de dar uma conferida nas redes sociais do blog Noite Sinistra...

 Siga o Noite Sinistra no Twitter   Noite Sinistra no Facebook   Comunidade Noite Sinistra no Google +   Noite Sinistra no Tumblr

CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA




VOLTAR PARA A PÁGINA INICIAL...

Comentários

Siga-nos no Facebook

Postagens Recomendadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais acessadas no último mês

Links da Deep Web 2018

Saudações amigos e amigas. Hoje eu volto a publicar no blog Noite Sinistra uma matéria com links da deep web e prints da deep web.
Os links apresentados na matéria abaixo foram coletados entre janeiro e fevereiro de 2018, estando todos eles ativos nesse período, mas nada pode garantir que os mesmos estarão ativos até o final do ano, afinal de contas muitos sites na deep web mudam constantemente seus endereços afim de se manterem o mais seletivos quanto aos usuários que frequentam o espaço.

Exorcismo e orações em Latim

Nas culturas egípcia, babilônica, assíria e judaica, atribuíam-se certas doenças e calamidades naturais à ação dos demônios. Para afastá-los, recorria-se a algum esconjuro ou exorcismo. A cultura ocidental recebeu essas idéias através da Bíblia e do cristianismo primitivo.

Luka Rocco Magnotta: 1 Lunatic 1 Ice Pick

Luka Rocco Magnotta (nascido Eric Clinton Kirk Newman; 24 de julho, 1982) é um ator pornográfico e modelo acusado de matar e desmembrar Lin Jun, um estudante chinês, e mandar vários de seus pedaços por correio para escritórios de partidos políticos canadenses e para escolas elementares de outra província.
Após o vídeo mostrando o assassinato ser publicado, primeiramente, em Fóruns da Deep Web (o vídeo ficou conhecido como "1 Lunatic 1 Ice Pick"), porém hoje em dia o vídeo já pode ser facilmente encontrado em sites especializados em terror Gore, Magnotta fugiu do país, tornando-se motivo para uma “Nota Vermelha da Interpol”, e assim iniciando uma verdadeira caçada internacional. Ele foi preso em 4 de Junho de 2012 em uma Lan House em Berlin, enquanto lia notícias a respeito de si mesmo.

O paraíso do LSD

Em 1997, um químico orgânico chamado Leonard Pickard, junto a Gordon Todd Skinner, construíram o maior laboratório de LSD do mundo. No local, um antigo silo nuclear, eram realizadas várias festas e orgias regadas a drogas.
Segundo fontes, tal laboratório era tão grande que chegou a produzir cerca de 90% do LSD disponível no mundo, isso sem falar nas grandes quantidades desconhecidas de MDMA, ALD-52, extrato de ergot e possivelmente LSZ.

Ted Bundy: O assassino de jovens mulheres

Saudações amigos e amigas. Hoje falaremos de um dos mais notórios serial killers que o mundo já conheceu: Ted Bundy. Ele assassinou cerca de 35 mulheres (crimes reconhecidos pelas autoridades) entre os anos de 1974 e 1978 em seis diferentes estados dos EUA. Ted Bundy é tido, por muitos, como o mais marcante serial killer dos EUA, tornando-se um verdadeiro pop star, muito disso talvez pela forma em que atuou no seu próprio julgamento, ou talvez pela desenvoltura que demonstrava defronte as câmeras em inúmeras entrevistas que deu durante o período em que esteve preso.