A via Láctea pode ser o lar para muito mais que imaginamos Pular para o conteúdo principal

A via Láctea pode ser o lar para muito mais que imaginamos


A vida pode existir onde anteriormente achava-se que seriam condições ambientais impossíveis aqui na Terra. Isto significa que a vida em outros planetas no nosso sistema solar e além poderia estar mais espalhada do que se acredita, dizem os cientistas.

Christopher McKay, um cientista da NASA, publicou um trabalho que inclui uma relação expandida das possibilidades da vida existir em planetas ou luas distantes.

Estudos na Terra sugerem que nem todas as formas de vida requerem as condições que temos ao nosso redor, diz McKay, e algumas são capazes de sobreviver e até mesmo prosperar enquanto vivem nessas condições extremas.

Já que tivemos que expandir nossa consideração sobre a existência de tais formas de vida extremas em condições extremas na Terra, é lógico, temos que fazer o mesmo para outros lugares mais distantes também, diz ele. Por exemplo, diz McKay, devido ao fato que alguns micro-organismos terrestres sobrevivem em ambientes que estão consistentemente acima do ponto de ebulição da água, ou de seu congelamento, a procura por vida extraterrestre não deveria descartar qualquer planeta, simplesmente porque ele é muito frio, ou muito quente. Nem deveria ser descartado um planeta porque ele fica muito longe de sua estrela, tendo esta luz como fonte de energia para alcançar a vida em potencial, já que algumas criaturas na Terra vivem tão profundamente nos oceanos, onde a luz solar nunca chega.


“Nossa compreensão da vida nos exoplanetas e exoluas deve ser baseada naquilo que sabemos sobre a vida na Terra“, escreveu McKay, que trabalha para o Centro de Pesquisas Ames da NASA, na Califórnia.

Embora os cientistas considerem que uma mínima quantidade de água seja necessária para a vida sobreviver, McKay cita os líquens e as cianobactérias fotosintéticas, que podem sobreviver em algumas das condições mais secas.

“Você não precisa de um Oceano Pacífico“, diz ele. “Um planeta como o mundo fictício em ‘Dune’ seria habitável…”

E a água pode não ser o único líquido que poderia suportar a vida, aponta McKay, referindo-se à lua Titã de Saturno, que possui líquido em sua superfície, mas que não é água.

Os mares e oceanos de Titã são de etano e metano, sobre os quais há uma atmosfera de metano e nitrogênio. Todavia até mesmo este ambiente extremo contém moléculas complexas, que poderiam servir como blocos de construção da vida.

“Titã é uma pequena lembrança de que há talvez mais coisas no céu e na Terra do que podemos imaginar, como disse Hamlet. Esta é uma estória admonitória” diz McKay. “Se descobrirmos algo novo, teremos que reescrever este capítulo.”

Fonte: OVNI Hoje

Quando amanhecer, você já será um de nós...

Não deixe de dar uma conferida nas redes sociais do blog Noite Sinistra...

 Siga o Noite Sinistra no Twitter   Noite Sinistra no Facebook   Comunidade Noite Sinistra no Google +   Noite Sinistra no Tumblr

CONFIRA OUTRAS POSTAGENS DO BLOG NOITE SINISTRA



Links Relacionados:
O evento de Tunguska.

VOLTAR PARA A PÁGINA INICIAL...

Comentários

  1. Elson Antonio Gomes3 de agosto de 2014 09:42

    Finalmente, depois de tantos anos esperando, surgiu um cientista da NASA com uma teoria totalmente plausível.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Siga-nos no Facebook

Postagens Recomendadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais acessadas no último mês

Links da Deep Web 2018

Saudações amigos e amigas. Hoje eu volto a publicar no blog Noite Sinistra uma matéria com links da deep web e prints da deep web.
Os links apresentados na matéria abaixo foram coletados entre janeiro e fevereiro de 2018, estando todos eles ativos nesse período, mas nada pode garantir que os mesmos estarão ativos até o final do ano, afinal de contas muitos sites na deep web mudam constantemente seus endereços afim de se manterem o mais seletivos quanto aos usuários que frequentam o espaço.

Exorcismo e orações em Latim

Nas culturas egípcia, babilônica, assíria e judaica, atribuíam-se certas doenças e calamidades naturais à ação dos demônios. Para afastá-los, recorria-se a algum esconjuro ou exorcismo. A cultura ocidental recebeu essas idéias através da Bíblia e do cristianismo primitivo.

Luka Rocco Magnotta: 1 Lunatic 1 Ice Pick

Luka Rocco Magnotta (nascido Eric Clinton Kirk Newman; 24 de julho, 1982) é um ator pornográfico e modelo acusado de matar e desmembrar Lin Jun, um estudante chinês, e mandar vários de seus pedaços por correio para escritórios de partidos políticos canadenses e para escolas elementares de outra província.
Após o vídeo mostrando o assassinato ser publicado, primeiramente, em Fóruns da Deep Web (o vídeo ficou conhecido como "1 Lunatic 1 Ice Pick"), porém hoje em dia o vídeo já pode ser facilmente encontrado em sites especializados em terror Gore, Magnotta fugiu do país, tornando-se motivo para uma “Nota Vermelha da Interpol”, e assim iniciando uma verdadeira caçada internacional. Ele foi preso em 4 de Junho de 2012 em uma Lan House em Berlin, enquanto lia notícias a respeito de si mesmo.

O paraíso do LSD

Em 1997, um químico orgânico chamado Leonard Pickard, junto a Gordon Todd Skinner, construíram o maior laboratório de LSD do mundo. No local, um antigo silo nuclear, eram realizadas várias festas e orgias regadas a drogas.
Segundo fontes, tal laboratório era tão grande que chegou a produzir cerca de 90% do LSD disponível no mundo, isso sem falar nas grandes quantidades desconhecidas de MDMA, ALD-52, extrato de ergot e possivelmente LSZ.

Ted Bundy: O assassino de jovens mulheres

Saudações amigos e amigas. Hoje falaremos de um dos mais notórios serial killers que o mundo já conheceu: Ted Bundy. Ele assassinou cerca de 35 mulheres (crimes reconhecidos pelas autoridades) entre os anos de 1974 e 1978 em seis diferentes estados dos EUA. Ted Bundy é tido, por muitos, como o mais marcante serial killer dos EUA, tornando-se um verdadeiro pop star, muito disso talvez pela forma em que atuou no seu próprio julgamento, ou talvez pela desenvoltura que demonstrava defronte as câmeras em inúmeras entrevistas que deu durante o período em que esteve preso.