Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2019

10 casos históricos sobre vampiros

Imagem
Ao longo da história humana muitos foram os relatos sobre vampiros que se originaram a partir de acontecimentos reais ou pessoas reais. Esses indivíduos incompreendidos ou autores de atos bizarros e até terríveis, acabaram gravando seus nomes na história por, voluntariamente ou não, instigar o medo.
Aqui no blog Noite Sinistra já tivemos uma série de matérias sobre mitos de vampiros de diferentes lugares do mundo (clique AQUI e leia mais sobre o assunto), mostrando que muitos foram os povos que cultivaram crenças a respeito de seres meio humanos bebedores de sangue.
Embora minha crença pessoal me torna uma pessoa um tanto cética a respeito do assunto vampiros, sou obrigado a admitir que a existência de mitos vampirescos em diferentes partes do mundo, desde os astecas até os europeus da idade média, instiga na minha pessoa um certo fascínio.
Convido os amigos e amigas a conhecerem um pouco mais a respeito de pessoas que acabaram acusadas de serem vampiros.

CIA expõe ataque alienígena que converteu soldados russos em pedra

Imagem
De acordo com um relatório secreto e agora desclassificado da CIA (clique AQUI), um pelotão de soldados russos – que atacaram e conseguiram derrubar um OVNI – foi transformada em PEDRA não sobrevivendo ao contra-ataque dos alienígenas. O relatório desclassificado está disponível no próprio site oficial da CIA.

Cinco crimes da vida real que foram adaptados para a ficção

Imagem
Quando o escritor chinês Liu Yongbiao foi condenado no ano passado por espancar quatro pessoas até a morte em uma pousada, talvez não tenha sido uma surpresa tão grande para seus leitores.
No prefácio de seu romance de 2010, intitulado The Guilty Secret ("O Segredo Culpado", em tradução livre), Liu dizia que já estava trabalhando em sua próxima obra literária - sobre uma autora que comete uma série de assassinatos terríveis e consegue escapar.
No fim ele acabou não levando o projeto adiante, embora já tivesse um título em mente: The Beautiful Writer Who Killed ("A Bela Escritora que Matava", em tradução livre).

Câmera de segurança flagra suposto fantasma

Imagem
Recentemente, saiu nas manchetes que uma mãe cujo filho faleceu alegou que o fantasma de seu filho voltou para a casa da família. Suas câmeras de segurança supostamente capturaram algum tipo de figura transparente em sua cozinha.
O filho de Jennifer Hodge, Robbie, de Atlanta, na Geórgia, faleceu há alguns anos atrás de algo que infelizmente tem levado muitas vidas. Uma overdose.

Hans-Jürgen Massaquoi: A vida de um negro na Alemanha nazista

Imagem
Nascido alemão, ele cultuou Hitler na infância, mas cresceu sendo alvo de perseguições e sobreviveu para começar uma nova vida nos EUA.
Filho de uma alemã branca e de um liberiano negro, Hans-Jürgen Massaquoi não acreditava ser diferente das outras crianças alemãs. Até que, numa tarde de 1934, ouviu a professora anunciar aqueles que haviam sido aceitos na Hitlerjugend – a Juventude Hitlerista, organização à qual todas as crianças eram incentivadas a se filiar.
Todos da sua sala foram aprovados, exceto ele. Indignado, Massaquoi tentou argumentar: “Mas eu sou alemão!” Não adiantou, ouviu dizer que não era digno. Ele tinha apenas 8 anos.

Suásticas são pichadas em quase 80 túmulos de cemitério judaico na França

Imagem
Incidente acontece no mesmo dia em que estão programadas diversas manifestações na França contra o aumento das agressões antissemitas. Ministério Público abriu uma investigação.
Quase 80 túmulos de um cemitério judaico na cidade de Quatzenheim, leste da França, foram encontrados profanados nesta terça-feira (19), anunciou a prefeitura de Bas Rhin. O Ministério Público informou investiga o caso e busca os autores do delito.
Suásticas, que são símbolo do nazismo, foram pichadas em algumas sepulturas nesta terça quando estão programadas diversas manifestações na França contra o aumento das agressões antissemitas.

A bela adormecida do Monte Everest

Imagem
Convido os amigos e amigas a conhecerem a história de Francys Distefano-Arsentiev, uma alpinista que perdeu a vida durante após alcançar o topo do mundo e acabou conhecida como "A bela adormecida do Everest". Francys Distefano-Arsentiev é a primeira mulher a chegar ao cume do Everest sem uso de oxigênio auxiliar, mas o esforço cobrou seu preço na descida.

Norte americana casa-se com sua boneca zumbi

Imagem
Depois de ter virado notícia pelo mundo quando declarou todo seu amor a Kelly, uma boneca zumbi, e ainda admitiu seus planos de se casar com o brinquedo, a jovem norte-americana Felicity Kadlec, de 20 anos, mostra que os meses após o matrimônio continuam em clima de romance.

Josef Fritzl, o monstro de Amstetten

Imagem
Josef Fritzl tornou-se conhecido como "o monstro de Amstetten" por causa dos constantes abusos sexuais que ele infligiu a própria filha, que por vários anos foi sua prisioneira no porão da casa da família. Convido os amigos e amigas a conhecer um pouco mais a respeito dessa terrível história na matéria abaixo.

Púca: O transmorfo da mitologia irlandesa

Imagem
Púca, também chamado pelos nomes Phooka, Phuca, Pwca, Puka, Pouque, Glashtyn e Gruagach, é uma criatura travessa da mitologia e do folclore irlandês e galês, é uma das várias espécies de elfos e fadas que se divertem em atrapalhar e até causar a morte de viajantes.

Pedrinho Matador vira comentarista e faz sucesso no YouTube

Imagem
Matéria enviada por Elson Antonio Gomes. Fonte: Agora
Agora livre, Pedrinho Matador, 64, ficou 42 anos preso por mais de cem mortes.
Depois de 42 anos na prisão e mais de cem assassinatos, Pedrinho Matador, 64, agora comenta crimes em vídeos no YouTube e prepara um documentário sobre a sua vida. Em liberdade há sete meses, o maior serial killer do Brasil conversou com o Agora em dezembro e garantiu: só quer a paz.
O canal de Pedrinho Matador tem 28 mil inscritos e mais de 2,5 milhões de visualizações (clique AQUI para acessar o canal dele). A ideia foi de seu amigo, Pablo Silva, 30 anos, que também faz a produção dos vídeos. Entre os assuntos comentados por ele estão crimes como as mortes da cachorrinha do Carrefour de Osasco, do jogador Daniel, e da estudante Rayane Alves.

Albert Battel, o oficial do Exército alemão que salvou vários judeus

Imagem
Sempre que falamos de segunda guerra mundial, acabamos dando mais enfoque aos crimes e massacres cometidos, mas hoje o foco é outro: falar um pouco de um oficial nazista que possibilitou que diversos judeus escapassem com vida da Polônia.
Albert Battel (21 de Janeiro de 1891 - 1952) foi um ( Wehrmacht) oficial alemão, advogado, e humanitário. Battel nasceu em Klein-Pramsen, na Silésia prussiana. Após servir na I Guerra Mundial, estudou Economia e Jurisprudência em Munique e em Breslau (Wrocław).

Caso Mário Restier: O brasileiro levado por extraterrestres a um outro planeta

Imagem
No ano de 1949 o brasileiro Mário Restier foi supostamente abduzido e, segundo os seus relatos, levado a outro planeta pelos seus captores. Mário, que na época vivia em Volta Redonda, retornou para sua família 4 meses após seu desaparecimento. Convido a todos para conhecer um pouco mais a respeito dessa curiosa história de abdução.

Americana acreditava que seu apartamento era assombrado faz descoberta ainda mais assustadora

Imagem
Suposto fantasma que assustava garota americana em seu apto revelou-se um estranho escondido no armário que vestia suas roupas.
Uma universitária da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, que só foi identificada como Maddie, pensou que o apartamento fora do campus que ela dividia com uma colega de quarto era assombrado depois que suas roupas começaram a desaparecer e estranhas marcas de mãos começaram a aparecer em espelhos e paredes. No entanto recentemente ela descobriu que não estava lidando com um fantasma, mas algo igualmente aterrorizante: um homem estranho em seu armário que vestia suas roupas.

Cientista afirma que Alexandre, o Grande, foi enterrado vivo

Imagem
Em nova teoria, pesquisador afirma que o rei da Macedônia ainda não tinha morrido quando foi sepultado. Pesquisadora se apoia em fato que na época foi visto como uma prova da divindade de Alexandre.
Após mais de 2 mil anos, um mistério envolvendo a morte de Alexandre, o Grande (356 a.C. - 323 a.C) ainda não foi resolvido. A versão mais aceita diz que ele passou mal depois de uma noite de bebedeira e faleceu pouco tempo depois. A hipótese é de que, após um quadro de febre, o rei da Macedônia foi perdendo pouco a pouco os movimentos do corpo até, de fato, falecer. Mas um estudo recém-publicado na revista Ancient History Bulletin sugere que sua morte pode ter sido bem diferente do que se imaginava.

Tumba com 40 múmias é encontrada no Egito

Imagem
Arqueólogos egípcios descobriram uma tumba faraônica com 40 múmias, da era Ptolemaica, em Minya, ao sul do Cairo. A descoberta foi anunciada pelo Ministério das Antiguidades neste sábado (02-02-19).
“Não encontramos nomes escritos em hieróglifos”, disse Mostafa Waziri, secretário-geral do Conselho Supremo de Antiguidades.

Autoridades russas reiniciam investigações sobre o misterioso Caso Dyatlov

Imagem
Ao completar 60 anos do fatídico evento que misteriosamente vitimou 9 alpinistas nos montes Urais na Rússia, as autoridades anunciaram que vão reabrir o caso, até os dias de hoje insolúvel.
A última sexta feira (01-02-19), marcou o 60º aniversário do infame “Incidente do Passo Dyatlov” e, aparentemente em reconhecimento a este macabro acontecimento que até os dias de hoje levanta polêmicas e estranhas suposições, as autoridades russas anunciaram surpreendentemente planos para lançar uma nova investigação sobre o misterioso evento.

Arqueólogos acreditam ter encontrado a cidade perdia de Kweneng na África do Sul

Imagem
Arqueólogos sul-africanos encontraram com ajuda de tecnologia a laser uma antiga cidade perdida conhecida como Kweneng.

Pode parecer inacreditável que nos dias de hoje, com tanta tecnologia disponível e em um planeta constantemente vigiado e vasculhado por satélites e outras tecnologias, ainda existam “cidades perdidas”. No entanto, foi com isso que arqueólogos da Universidade de Witwatersrand, na África do Sul, se depararam recentemente!

Neyde Maria Maia Lopes: A fera da Penha

Imagem
O casal Antônio e Nilza, no ano de 1960 morava com duas filhas pequenas no bairro Piedade, subúrbio da Cidade Maravilhosa. Ele saía para trabalhar, ela cuidava da casa e das crianças, e, aos olhos das pessoas próximas, a família levava uma vida ótima.

Entretanto, Antônio escondia um segredo: estava se relacionando com outra mulher. Ele a conheceu em um trem, enquanto ia cumprir suas obrigações diárias. Seu nome era Neyde Maria Maia Lopes, tinha 22 anos e era fã do escritor Nelson Rodrigues e de livros de mistério.
O que era para ser uma aventura rápida foi virando parte da rotina de Antônio. Durante três meses, eles tiveram encontros constantes e intensos.

SIGA-NOS NO FACEBOOK